terça-feira, 11 de abril de 2017

Resenha: Lugares Escuros

Autora: Gillian Flynn
Editora: Intrínseca
Páginas: 352
Ano: 2015 


Sinopse: Libby Day tinha apenas sete anos quando testemunhou o brutal assassinato da mãe e das duas irmãs na fazenda da família. O acusado do crime foi seu irmão mais velho, que acabou condenado à prisão perpétua.Desde aquele dia, Libby passou a viver sem rumo. Uma vida paralisada no tempo, sem amigos, família ou trabalho. Mas, vinte e quatro anos depois, quando é procurada por um grupo de pessoas convencidas da inocência de seu irmão, Libby começa a se fazer as perguntas que até então nunca ousara formular. Será que a voz que ouviu naquela noite era mesmo a do irmão? Ben era considerado um desajustado na pequena cidade em que viviam, mas ele seria mesmo capaz de matar? Existiria algum segredo por trás daqueles assassinatos? 

Atualmente, Libby, a personagem principal, tem 31 anos, um psicológico bem abalado, e uma conta quase zerada. Ela se mantinha do que as pessoas a doavam por causa dos assassinatos. As coisas começam a mudar quando Lyle, líder de um clube onde pessoas fãs de assassinatos famosos se reúnem para investigar e comentar os casos, procura Libby para ir ao "Kill Club" conhecer as pessoas que participam. Lá, Libby se depara com várias teorias de que não foi Ben que matou a sua família, e começa a questionar e investigar toda a história. 

O livro mostra os pontos de vista dos principais envolvidos, Libby (presente), Ben (passado), Patty (passado), o que é ótimo, porque dá para entender melhor toda a história. 

A Gillian Flynn me surpreende mais a cada livro. Já li os outros dois dela (Garota Exemplar e Objetos cortantes) e amo também. A leitura começou bem devagar, como nos outros livros dela também. A escrita dela é lenta e descritiva, o que dá mais suspense ainda nas histórias. Eu não posso descrever o livro em outras palavras, a não ser, macabro e inquietante. 
Indico o livro para todos que gostem de suspense policial, para quem não gosta, vai ser difícil gostar do livro, a narrativa é lenta e os fatos demoram para se desenrolar, mas no final, a leitura vale super a pena! 

A adaptação cinematográfica do livro já foi lançada aqui no Brasil. Confesso que não gostei muito do filme, não foi tão fiel ao livro e achei a produção bem com cara de amadora.

Onde comprar o livro: 

Nota:


Sobre a autora: 

Gillian Flynn é jornalista e, antes de se dedicar integralmente à carreira de escritora, trabalhou por dez anos como crítica de cinema e TV para a Entertainment Weekly. Nascida na cidade de Kansas, no Missouri, e formada em jornalismo e inglês pela Universidade do Kansas, Gillian escreveu durante dois anos para uma revista de negócios na Califórnia e concluiu um mestrado em jornalismo na Northwestern University, em Chicago. Seus livros foram publicados em vinte e oito países e tiveram os direitos de adaptação cinematográfica vendidos. Atualmente, Gillian mora em Chicago com o marido e o filho


8 comentários:

  1. Caramba, bota suspense nisso! Não li o livro, Thainá, mas pelo que descreveu deve ser angustiante imaginar uma inocente por mais de duas décadas condenado a prisão perpétua.

    Gostei da resenha e me angustiei com a história, rs.

    ResponderExcluir
  2. Tenho muita curiosidade em ler os livros da Gillian Flynn, mas ainda não pude ler nenhum :P Não queria começar por Garota Exemplar porque já deixaram escapar mil spoilers pra mim hahaha Essa história me parece mais digerível que Objetos Cortantes. Talvez venha a ser minha primeira leitura da Gillian

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Apesar de não ter lido nada dessa autora ainda, só ouço maravilhas a respeito deste livro e sua resenha me deixou muito curiosa para lê-lo, pois amo um bom suspense.
    Espero lê-lo em breve e me emocionar com esta história.
    Beijo
    Cássia Pires

    ResponderExcluir
  4. Olá! Provavelmente eu leria esse livro. Parece ser super legal e a sua resenha me deixou super curioso.

    ResponderExcluir
  5. Oi! Ótima resenha! Dela só li Garota exemplar mas pretendo ler os outros ainda. Esse vi uma parte do filme e gostei. Bjos

    ResponderExcluir
  6. Adorei a resenha, o tema do livro não é o tipo que me atrai, mas sempre é bom conhecer livros diferentes.

    ResponderExcluir
  7. Eu ainda tenho que ler essa e as outras obras da autora, só li Garota Exemplar e gostei bastante! Adorei sua resenha!

    ResponderExcluir
  8. Eu morro de vontade de ler algo dessa autora, principalmente por sempre falarem que ela consegue surpreender o leitor em cada livro.
    Uma pena que os filmes adaptados dessa autora são sempre horríveis né, nunca vi alguém gostando rsrsrs

    ResponderExcluir